Buscar
  • Saulo Pithan

Novidades no tratamento de varizes permitem recuperação mais rápida e eficaz


Cirurgião vascular da Ostermann Medical Center traz dicas e explica as novas tendências em procedimentos para deixar as pernas mais bonitas

​ Durante muitos anos, a cirurgia de varizes convencional, com a retirada da veia safena, era o único método de tratamento em casos mais graves da doença. Com o desenvolvimento de novas tecnologias, técnicas inovadoras e menos invasivas agora permitem uma recuperação mais rápida e com menos sofrimento aos pacientes.

​ Segundo o cirurgião vascular, Dr. Halison VilaCorta Araújo de Souza (CRM-SC 21648 – RQE 21722), existem vários procedimentos que permitem um tratamento efetivo e eficaz, mas a definição do método ideal varia de acordo com a gravidade de cada caso.

A avaliação minuciosa e personalizada deve ser feita pelo cirurgião vascular. “Atualmente existem diversos tratamentos para varizes, mas no ponto de vista cirúrgico a forma convencional que consiste na extração da veia safena e flebectomia - que consiste na remoção das veias dilatadas e doentes - são as mais utilizadas apesar de exigir uma recuperação mais lenta, em torno de 15 dias e de ser mais invasiva” explica o médico.

​ Esse tipo de cirurgia tem se tornado cada vez mais impopular frente aos novos tratamentos para varizes menos invasivos. Isso porque a cirurgia demanda cuidados pós-operatórios mais complexos. Além disso, a recuperação leva mais tempo e impossibilita o paciente de realizar algumas atividades por um determinado período. Entretanto, é a forma mais antiga e eficaz de tratar varizes nas pernas.


Cirurgia por radiofrequência

A radiofrequência funciona de forma muito semelhante à cirurgia laser, pois utiliza calor dentro do vaso para fechar a variz. Para fazer isso, o médico insere um pequeno cateter no interior da veia a tratar e, depois, utilizando radiofrequência, aquece a ponta, deixando-a quente o suficiente para levar o vaso a fechar. “Havendo a indicação do médico, a vantagem do procedimento é uma recuperação mais rápida, o paciente vai para casa no mesmo dia. A dor é bem menor e menos invasiva,” explica.

Flebogrif, revolução no tratamento contra varizes

Um dos procedimentos mais modernos e eficazes atualmente no mercado é o Flebogrif. De acordo com Dr. Halison, ele consiste em um moderno dispositivo para o tratamento de safenas. O procedimento é guiado por ultrassom Doppler e a técnica é composta por duas lesões na veia doente, sendo um dano endotelial realizado por ganchos de corte retráteis radiais (mecânico) e o outro por meio de injeção esclerosante de espuma de polidocanol (químico).

​ É um método rápido, prático, indolor e minimamente invasivo, realizado no conforto do consultório, com sedação consciente e anestesia local, sem necessidade de hospitalização. Ao fim do tratamento, o paciente sai caminhando normalmente.

​ A técnica permite uma rápida recuperação, sem repouso e também sem as restrições de um tratamento cirúrgico convencional. “Nós chamamos de tecnologia nova de ablação mecano-química, onde se realiza a introdução de um cateter por punção, sem cortes, com anestesia local e não necessita de centro cirúrgico, podendo ser realizado aqui mesmo na Ostermann Medical Center”, explicou.


Contate com o médico

​ Para saber mais sobre todos os procedimentos apresentados nesta reportagem, entre em contato para agendamento de consulta com Dr. Halison VilaCorta Araújo de Souza na Ostermann Medical Center de Araranguá e Ostermann medical Center Garopaba.

Os telefones para contato são:

Araranguá: (48) 3522-2314

Garopaba: (48) 3254-4261

200 visualizações0 comentário